Sound Track

“Difícil não é lutar por aquilo que se quer, e sim desistir daquilo que mais se ama.(...) » Bob Marley

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Horas sentidas


Nada sei de ti
nada me diz o vento
que teima em levar-te
de mim
nessa saudade no tempo

A alma despe-se do que resta das horas
deixo os dias caírem da minha mão
e os segundo evaporam-se lá fora
e deixam a pele molhada cheia de emoção.


Amo-te amor
Saudades Apertadas



Sinto o peito bater num som agudo da chuva
queria adormecer e só acordar dentro da tua lua
onde ai a saudade e a dor
se enlouquecem com o nosso amor

4 comentários:

spirit disse...

Estende os braços e segura o coração que teima em voar, estende a alma e procura a brisa no teu coração, sentirás bater forte por um amor que teima em partir.
Lindo
Bjs

Kika disse...

Ai, saudade....

Piper disse...

Oh minha querida, a saudade vai tornar-se segurança e tranquilidade. Acredita que sim, vai correr tudo bem :)

Beijinhos grandes.

Luz' disse...

Tento curar a saudade e a perda! em um prufundo sono onde sonho e sinto momentos de felicidade'