Sound Track

“Difícil não é lutar por aquilo que se quer, e sim desistir daquilo que mais se ama.(...) » Bob Marley

terça-feira, 21 de julho de 2009

A Carta: Para Ti com Amor


Uma Cidade que nos beija a alma,recheada de historias de amores perdidos... que nos sussurra quando partimos dela.
Aquele café, preenchido por sons acolhedores...que relembram momentos profundos.
Entrei, e senti(-te)! Esse lugar transpirava palavras e sorrisos (teus)... Esbarro contra essa essência que me assombra a alma, encontro pedaços (nossos) perdidos nesse lugar mais dentro de uma historia inacabada.
Descubro(-te)...(n)um sabor intenso a saudade... mais do que esperava. Em memorias soltas , gravadas no jeito seguro de ser, solta-se o pedido agudo do saber.... estas aqui!
Deixo(-te) repousar(es) (n)esse efeito que tens em mim. E num fôlego de vontade...recordo-me da tua pele, do teu sabor, do teu cheiro , do teu ardor, da tua língua, do teu desejo, do teu cabelo e do teu beijo... Recordo os teus gestos desalinhadamente perfeitos... com pureza e inocência... recordo o sentido que tens em querer ficar sempre (um pouco mais).
A chuva que cai lá fora , conta os segundos num embale do tempo ... e faz cair... caiem as saudades sentidas num rosto perdido...num mundo incompreensivel e perconceituoso...
E vou...confiante e segura... que contigo é o caminho certo.... a procura dos sonhos escondidos.
Sinto o frio percorrer-me o vazio... num sinal de ti. as ausências matam-me devagar... e em passos firmes , para não fraquejar... vou...
é hora de partir... mas o jeito agudo do peito, teima em se fechar e desolar quem para traz ficou...
não consigo olhar-te uma ultima vez...
uma força devastada percorre-me os poros, e sinto um calor estranho em mim...
Num acto de loucura e insensatez... deixo cair tudo e volto a correr pra ti.... e grito até "rebentar as artérias" AMO-TE!

a ti amor

8 comentários:

Ana Sofia Alves disse...

Recordar momentos assim é quase como que mover o tempo... Parece que nos encontramos à deriva e podemos agarrar bocados da nossa vida, voltar para trás, andar para a frente... É como se apesar do vazio existisse um calor algures que nos preenchesse e nos desse força para algo mais...

mari (a)penas... disse...

Este é dos teus textos mais bonitos! Cheio de intensidade, que se vai acentuando à medida que se vai lendo, e termina de uma forma simples e sublime "AMO-TE"!

ADOREI minha linda!

Espero que em tudo o que ames, deposites esta força...

Muitos beijinhos

Lady me disse...

Conseguiste passar tudo o que sentias para este texto. Está calmo.. Está lindo!

Beijinho*

CátiaSofia disse...

Que lindo que é o amor, e o quanto é mágico ler cartas de amor, pelo menos eu gosto, aquela sensação de ler as palvras que vão no coração daqueles que estão apaixonados.


Gostei*.*

Beijo muito grande, adoro_te muito, já estou com saudades tuas^^_

Rapariga dos caminhos abstractos disse...

" E vou...confiante e segura... que contigo é o caminho certo.... a procura dos sonhos escondidos. "

Que amor de texto (:

Peregrina disse...

Amor, do início ao fim. E que bom é Amar! :)

simplesmenteeu disse...

Bonito e intenso.Gostei de ler.

"num acto de loucura e insensatez..." o amor é tudo isso, suave, arrebatado, impulsivo, louco.... Quando o raciocinio começa a marcar pontos é porque o amor começou a sair.

Beijo terno

ph disse...

Eu nem era para comentar, que textos destes deixam com poucos comentários.
Mas digo-te, sinceramente, tens qualquer coisa de especial na tua escrita.
E boa sorte com o que sentes saudades =Pp