Sound Track

“Difícil não é lutar por aquilo que se quer, e sim desistir daquilo que mais se ama.(...) » Bob Marley

domingo, 25 de outubro de 2009

tua Presença

alma remexida
ponteiros desalinhados
de um dia cheio
de nada

ressacada e deleitada
nesse chão e nessa cama
deixo as pernas descaírem
e os braços recolherem
a brisa que entra
pelas frinchas da janela

e de pele arrepiada
de olhos fechados
pensamentos encantados
de uma noite bem passada

de sorriso estúpido
na cara
e de peito cheio
feito por momentos insaciáveis

quero guardar sempre
o teu beijo no beijo
e o teu toque no meu jeito

por magia ou estupidez
sinto a tua fluidez
a sugar-me o meu perfume
por essa brisa controlada
da tua respiração

e me faz esquecer as horas
e os dias que já lá vão

tomara o tempo parasse
para eternizar este momento
que no fundo bem sei que tento
fazê-lo fruto da razão
mas que no fim de um segundo
passa a ser ilusão...

Amo-te Muito amor
saudade

5 comentários:

lígia disse...

está lindo! :)

Débra disse...

está perfeito :O

(Carlos Soares) disse...

Poema maravilhoso.Parabéns.beijos

S* disse...

Muito bom mesmo!

David Marinho disse...

Que poema, meu deus!

***