Sound Track

“Difícil não é lutar por aquilo que se quer, e sim desistir daquilo que mais se ama.(...) » Bob Marley

domingo, 15 de março de 2009

Refugio Esquecido



Perdida
no meio
de mim
e do que sou

Sem me achar...
Permaneço

Esquecida
envelhecida
e só

Deixada pelo tempo
Deixada pela vida
Deixada por ti


Um Refugio
estranho
e aconchegos demorados

As partidas ficaram...
na alma sem cor

sei que não voltas... sei que não queres

e Fico

No meu mundo de cartão

4 comentários:

S . disse...

É bom e reconfortante ter esse nosso mundo... mas também temos de sair dele, ainda que por breves momentos, para então enfrentar a selva cá fora (:

*

mari (a)penas... disse...

Linda, se não quer é porque não merece ter-te.
Refugia-te agora nesse mundo mas não deixes de olhar pela janela cá para fora. Cá também existe o bom tempo, não é tudo mau.

Acredita!

Beijinhos

Ni disse...

É verdade... às vezes o tempo abandona-nos e nós perdemo-nos.
Às vezes, esquecem-se de nós... é verdade. E... normalmente aqueles que precisamos exactamente nesse(s) momento(s)... é por isso que sentimos a sua falta.
Mas há em nós um refúfio, com um estranho aconchego, é verdade... mas com todas as certezas que naquele(s) momento(s) podemos sentir.
E tu, qualquer que seja a cor que vês do lado de fora da alma... és linda... e tens de muitas pessoas a lembraça eterna e todo o tempo.

Bjinhos

Lágrimas de Sangue disse...

No teu mundo de cartão certamente não estas sozinha, terás muitas páginas em branco para preencher com textos com Muitas Cores...